Dia a Dia

Influenciadores digitais: alcance e poder para a sua marca!

Imagem de destaque do post Influenciadores digitais: alcance e poder para a sua marca!

Quem gerencia uma marca nos dias de hoje já sabe: o marketing mudou. O advento das redes sociais e as mudanças nas formas como as pessoas consomem informações e produtos alterou drasticamente a maneira como as marcas precisam divulgar os seus produtos e serviços. Neste post, falaremos sobre influenciadores digitais!

Quem gerencia uma marca nos dias de hoje já sabe: o marketing mudou. O advento das redes sociais e as mudanças nas formas como as pessoas consomem informações e produtos alterou drasticamente a maneira como as marcas precisam divulgar os seus produtos e serviços. Neste post, falaremos sobre influenciadores digitais!

Anúncios tradicionais já não fazem mais a cabeça dos consumidores. Transmitir mensagens no estilo "compre o meu produto", muito menos! As pessoas não buscam produtos, buscam informação, solução para os problemas e entretenimento. É aí que entram as estratégias do marketing digital.

Entre diversas práticas, a que tem se destacada nos últimos tempos é o marketing de influência, que utiliza os chamados influenciadores digitais - do termo em inglês, digital influencer.

O que é marketing de influência

Marketing de influência é uma forma de marketing cujo foco está em indivíduos específicos, que são peças-chave nessa estratégia. Identifica-se os indivíduos que têm influência sobre o mercado no qual se atua ou quer atuar e direciona as atividades de marketing em torno deles.

Neste universo, o marketing de influência pode ser espontâneo ou pago. O relacionamento não remunerado entre a marca e o influenciador é espontâneo. Nesse caso, a marca pode enviar seus produtos para ele testar e falar sobre nos seus canais. Já quando o marketing de influência é pago, pode assumir a forma de patrocínio, publicidade ou mensagens de testemunho.

Cerca de 80% do tráfego online está atrelado a um influenciador. Segundo o estudo SocialChorus, campanhas com influenciadores podem ter um engajamento 16 vezes maior do que a publicidade tradicional.

Esse tipo de marketing atrai muito as marcas, pois os influenciadores têm um público cativo e muito segmentado. Ou seja, é um tiro quase certeiro para elas atingirem o público que almejam.

O que são influenciadores digitais

Os influenciadores digitais são pessoas que influenciam a opinião pública através das mídias digitais, especialmente das redes sociais. São, via de regra, pessoas muito populares que geram conteúdo para um público massivo, gerando grande alcance.

Eles utilizam as redes sociais para divulgar seu conteúdo e opiniões - Facebook, Youtube, Instagram, Snapchat, Twitter e outras. Podem ser desde celebridades, jornalistas, uma marca, um expert em determinado assunto ou pessoas comuns que expõem sua vida e sua rotina nas redes.

Conquistar uma audiência fiel é o objetivo de qualquer influenciador. Há influenciadores digitais em todos os nichos que se possa imaginar: beleza, maternidade, games, negócios e muitos outros. Eles viram verdadeiras comunidades virtuais com pessoas que possuem afinidades comuns, gerando e compartilhando conteúdo e experiências.

A amplitude desta audiência é que irá definir a relevância de cada influenciador. E não estamos falando apenas no número de seguidores, mas do alcance. O que isso quer dizer? Que, muitas vezes, não adianta ter milhares de seguidores, se estes não são engajados, ou seja, não compartilham, nem comentam as postagens. Esse engajamento é perseguido por todos os influenciadores, pois ele é, basicamente, a moeda de troca que eles possuem com as marcas. Afinal, influenciar não é apenas ter muitos seguidores, mas de fato fazer a diferença com seu conteúdo e opiniões.

Deve-se ficar atendo, obviamente, pois muitas pessoas se autodenominam influenciadores digitais, quando, na verdade, possuem poucos seguidores e/ou pouco alcance. Ou seja, acabam não influenciando muitas pessoas, de fato. Alguns entram "na onda" apenas para ganhar fama e status.

No ano passado, o estudo "Os Influenciadores - Quem Brilha na Tela dos Brasileiros" divulgou o ranking dos maiores influenciadores do Brasil. O primeiro lugar está com Whindersson Nunes, dono do maior canal do Youtube do Brasil, com cerca de 22 milhões de inscritos. O segundo lugar ficou com Rodrigo Faro, seguido por Lázaro Ramos, Taís Araújo, Flavia Calina, Juliana Paes, Paolla Oliveira, Julio Cocielo, Felipe Castanhari e Felipe Neto.

Como trabalhar a sua marca com influenciadores digitais

Então, como trabalhar a sua marca com influenciadores digitais?

Para trabalhar com influenciadores digitais, a marca precisará, em primeiro lugar, escolher com quem deseja associar o seu nome. O pensamento deve ser o mesmo que escolher um nome ou um rosto para uma campanha. Quais conceitos e valores a marca quer passar? A diferença é que, se antes esse nome era somente uma celebridade, uma atriz ou um modelo, atualmente pode ser qualquer pessoa que seja considerada um digital influencer.

Porém, após apontar este norte, provavelmente você ainda terá uma série de influenciadores disponíveis e precisará selecionar alguns - ou apenas um. Você precisará, então medir a influência de cada um. No Facebook e no Instagram é possível analisar o grau de engajamento de uma página. Um dos principais indicadores é o Klout, um algoritmo que justamente avalia este grau de influência. Mas ele, por si só, pode não ser o indicador definitivo. Em termos de redes sociais, sempre é aconselhável utilizar mais de uma métrica, sempre que possível.

Como se tornar um influenciador digital

Se você acessa redes sociais, certamente já ouviu falar de nomes como Whindersson Nunes, Thaynara OG e Camila Coutinho, certo? Mas você sabe como eles conquistaram a audiência e o alcance que têm hoje?

Para construir uma audiência fiel e segmentada, você precisa produzir conteúdo de qualidade. Sim, o público gosta de diversão e de ouvir a sua opinião, mas se ela não tiver embasamento e o seu conteúdo não for bem estruturado, planejado e apresentado, pode ter certeza de que a sua audiência será passageira.

"Mas a fulaninha só fala trivialidades e posta o prato de comida e tem muitos seguidores",  você pensou, não é? Pode estar certo de que todos os grandes influenciadores digitais, por mais descolados ou triviais que pareçam, têm um conteúdo muito bem pensado.

Um influenciador pode iniciar a sua carreira com marketing espontâneo, recebendo produtos e serviços para experimentar e falar sobre eles nas redes. Mas, à medida que cresce, começa a trabalhar com o marketing pago. Essa estratégia engloba uma série de formatos, como posts patrocinados, participação em eventos, anúncios, entre outros.

Mais de Dia a Dia

Ver mais